Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

sábado, 7 de maio de 2011

Você está sendo observado.

POETAS....



VOCÊ ESTÁ SENDO OBSERVADO

Mãe, a mais nobre das razões para se amar

Como deveria ser com todos os filhos e suas mães,
Eu nasci sendo amado por essa mulher especial.
Todas as mães são especiais
Porque representam amor e vida.

Eu nasci de seu ventre
Eu sempre tive o seu colo;
E colo de mãe desconhece idade para os filhos.

Eu sempre estive ao seu lado
E estou ligado a ti pelo seu eterno amor de mãe,
Posso até perder minhas mais caras amizades,
Posso perder o amor de outra mulher,
Mas o seu amor de mães estará comigo
Ignorando morte, tempo e distancias.

Eu sou por essa mulher, que me deu a vida
Eternamente grato, e dela sou eterno devedor
Porque a vida não tem preço...

Eu te amo como todo  filho ama sua mãe,
Eu te amo com a mais nobre e justa das razões
Para se amar uma pessoa,
Porque eu te amo como filho que ama sua mãe.

Francisco Medeiros

J.Nunez

OUTROS POEMAS PARA O DIA DAS MÃES:

http://literaturaimparcialista.blogspot.com/2011/05/poema-para-o-dia-das-maes.html

O HOMEM PEDEU SUA IDENTIDADE E ESTÁ SE ENCONTRANDO NO HOMEM BORBOLETA, ESSE HOMEM ARTIFICIAL.

O homem borboleta


O homem perdeu sua identidade,
 Mas já está começando a formar uma muito especial:
O homem borboleta, o homem mariposa.

Não é fácil ser homem borboleta:
É preciso ser borboleta à luz do dia,
É preciso ser mariposa,
Nas luzes artificiais das noites pós - modernas,
É preciso ser lindo e atraente
Ao gosto dos sexos feminino e masculino,
E ao gosto soberbo das mulheres poderosas...

Não é fácil ser homem borboleta:
É preciso ser artificial como uma mulher artificial,
É preciso ter um kit de beleza,
É preciso coloca botox e silicone no bumbum
É preciso fazer tratamentos de beleza,
É preciso que se tornar um consumidor
De um novo tipo de mercado e produtos...
Um mercado que busca tornar o homem mais “sensível “

Para formar um novo mercado e novos produtos
É preciso destruir esse homem em estado bruto, torná-lo
Distante de sua essência de homem e sua virilidade expressiva...
Distanciá-lo de sua brutalidade clássica, de sua força física e interior,
Para torná-lo mais consumistas
E por conseqüência mais superficial
E mais distantes dos instintos de homem...
O homem borboleta quase esquece que tem pênis
Com funções vitais, essenciais e primitivas...

Salomão Alcantra

J.Nunez

Artigos Imparcialistas: Buscas no Google: Artigos Imparcialistas

Artigos Imparcialistas: Buscas no Google: Artigos Imparcialistas: "Jose nunes Pereira @jnunespereira Marília - SP Poeta J.Nunez escritor e criador do Movimento Imparcialismo e seus artigos imparcialistas..."

Buscas no Google: Artigos Imparcialistas

Jose  nunes PereiraJose nunes Pereira


@jnunespereira Marília - SP

Poeta J.Nunez escritor e criador do Movimento Imparcialismo e seus artigos imparcialistas


http://literaturaimparcialista.blogspot.com 




1. artigos imparcialistas 80. literatura e poesia contemporânea


2. http literaturaimparcialista blogspot com 81. o amor na poesia contemporâneo

3. literatura imparcialista 82. poesia em estado bruto

4. poemas de amor perdão reconciliação e separação 83. a métrica a temática a forma ea estética

5. os esteréotipos do mulato e do negro brasileiro 84. globalização multiculturalismo e imparcialidade n

6. voto de protesto 85. o homem guardado no sotão poema

7. início 86. poesia amizade com você eu aprendi

8. poema de perdão amor e reconciliação 87. porque os homem mentem e as mulheres choram

9. pé de frango contém colágeno 88. as drogas a família ea cracolândia

10. poema para o nascimento de minha filha 89. barack obama o marco do novo contexto literário

11. a sociedade imediatista a sociedade do prazer 90. família capitalismo e industrialização

12. manchete aluna manda professor ir tomar no rabo 91. misticismo e ocultismo na literatura

13. a sociedade imediatista 92. sociedade altruísmo consumismo imediatismo soc

14. sociedade sem altruísmo sociedade megaorgasmo d 93. a função da palavra na literatura imparcialista

15. sexo moderno e cristão 94. lançamento

16. o salvador de si mesmo poesia e artigos 95. pesquisa a literatura contemporânea imparcialista

17. poesia moderna imparcialista não rolou essa noite 96. como acolher anjos em sua casa

18. 14 de março dia da poesia visite a 97. literatura esotérica

19. poesia esotérica imparcialista 98. o amor na poesia contemporânea

20. a sociedade imediatista a sociedade possibilista 99. sexta feira setembro 03 2010

21. o décimo quinto poeta imparcialista 100. literatura contemporâneo pós modernista

22. altruísmo nunca mais 101. o conservadorismo livre na poesia imparcialista

23. multiculturalismo a formação da nova cultura mund 102. pesquise temas interessantes para seu trabalho esc

24. a poesia contemporânea imparcialista 103. poesia de amor romântico e clássico

25. nessa sociedade os filhos matam os pais os 104. sueli

26. artigos imparcialistas poema para josé alencar 105. alencar josé poema imparcialistas artigos artigos imparcialistas

27. brasil puteiro do mundo terra de entretenimento e 106. altruísmo imediatismo produtos artigos imparcialistas

28. sexo na sociedade sem altruísmo e imediatista 107. altruísmo imediatismo temas dentro poema

29. altruísmo eo pensamento a longo prazo ainda tem 108. altruísmo sociedade artigos imparcialistas

30. amor na sociedade sem altruísmo 109. artigos imparcialistas a sociedade do prazer um estudo

31. aluna manda professor ir tomar no rabo 110. artigos imparcialistas aniversário de marília poema

32. barack obama eo imparcialismo 111. artigos imparcialistas citações da literatura imparcialista

33. japão lugares para coletas de doações para as 112. artigos poesia mesmo salvador artigos imparcialistas

34. amor na sociedade contemporânea e seu sexo fácil 113. blog

35. poesia de amor maduro 114. blogger blogspot literaturaimparcialista

36. aniversário de marília poema 115. compra poder poder de compra

37. análise da sociedade contemporânea sexo sem compr 116. comprometimento

38. j nunez 117. contemporânea sociedade altruísmo fuvest artigos imparcialistas

39. sociedade imediatista sem altruísmo possibilista 118. cristão moderno artigos imparcialistas sexo moderno e cristão

40. poema ao dia das mulheres a essência de 119. desconhece imediatista geração

41. mulher banana 120. elétricos vibradores imparcialistas artigos

42. você esta sendo observado 121. entretenimento continuada progressão geração artigos imparcialistas

43. sexo sem compromisso 122. fenômeno ronaldo artigos imparcialistas para ronaldo fenômeno

44. o conservadorismo eo regionalismo livre na poesia 123. filhos matam pais matam filhos sociedade nessa artigos

45. liberdade sexual das mulheres e degeneração do hom 124. geração pe progressão continuada e entretenimento artigos

46. palestra altruísmo e imediatismo 125. http literaturaimparcialista blogspot

47. pesquise temas interessantes para seu trabalho escolar 126. http literaturaimparcialista blogspot com 2010 10 contexto literario

48. um poema dentro dos temas imediatismo e altruísmo 127. http literaturaimparcialista blogspot com 2011 02 sociedade sem

49. símbolo imparcialismo 128. imediatismo altruísmo palestra

50. produtos imediatismo e altruísmo 129. imediatista altruísmo sociedade artigos imparcialistas

51. citações para trabalhos acadêmicos sociologia ho 130. imediatista sociedade artigos imparcialistas a sociedade imediatista

52. para ronaldo fenômeno 131. imparcialista clássico poesia

53. um amor que a geração imediatista desconhece 132. imparcialista literatura citações

54. altruísmo e imediatismo 133. imparcialista literatura estudo prazer sociedade

55. imediatismo sociedade do prazer 134. imparcialista poesia livre regionalismo conservadorismo artigos imparcialistas

56. fuvest 2011 o altruísmo na sociedade contemporânea 135. josé nunes pereira

57. a sociedade do prazer um estudo da literatura 136. literaturaimparcialista

58. movimento literário imparcialismo contexto literário contemporâneo 137. literário contexto marco obama barack

59. cidade de marília 138. maduro poesia artigos imparcialistas poesia de amor maduro

60. postagem mais antiga 139. mais nunca altruísmo artigos imparcialistas altruísmo nunca mais

61. poema para josé alencar 140. males moderna sociedade

62. postagem mais recente 141. movimento literário imparcismo

63. talentos e projetos 142. mulher essência mulheres poema artigos imparcialistas

64. ver matéria completa 143. mundial cultura formação multiculturalismo artigos imparcialistas

65. a sociedade moderna e seus males 144. mundo espaço ainda prazo longo pensamento altruísmo artigos

66. geração pe progressão continuada e entretenimen 145. ninfomaníaca sociedade pós moderna sociedade

67. o poeta imparcialista da repugnação 146. noite rolou imparcialista moderna poesia artigos imparcialistas

68. sociedade pós moderna ou sociedade ninfomaníaca 147. observado sendo você artigos imparcialistas você esta sendo

69. citações da literatura imparcialista 148. poema marília aniversário artigos imparcialistas

70. artigos imparcialistas vibradores elétricos 149. prazer sociedade imediatismo artigos imparcialistas

71. as três classes de operários 150. simbolo imparcialismo

72. o construtivismo na poesia imparcialista 151. sites

73. j nunez criador da literatura imparcialista 152. sociedade

74. poder de compra 153. sociedade imediatismo consumismo altruísmo sociedade artigos imparcialistas

75. poesia de amor clássico imparcialista 154. sociedade possibilista altruísmo imediatista sociedade artigos imparcialistas

76. contextualização e intertextualidade 155. sucesso

77. a holística o multiculturalismo ea globalização 156. valores

78. industrialização capitalismo e consumo 157. vida

79. lançamento oficial de o imparcialismo 158. viver megaorgasmo sociedade altruísmo sociedade artigos imparcialistas

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Problema Americano

O VELHO ORGULHO AMERICANO

Torres gêmeas desmoronando em chamas e fumaça
São imagens de mais um filme americano,
É realidade americana é o medo cotidiano...
Bin Laden capturado não é desfecho da realidade
É mais um trecho de uma historia,
Não sabemos o fim do sonho americano,
Mundo globalizado tudo é problema de todos...

A vingança restaurou o velho orgulho americano, até quando!...

Os Estados Unidos vez justiça ao seu modo,
Ignorando as fronteiras, culturas, direitos e leis...
Estados Unidos: nosso salvador, nosso herói o super homem...
Agora estamos todos à salvo do mal...
Problema americano não é problema do mundo.
O nosso problema é a divisão de renda, a fome...
Nosso problema é a volta da inflação.

Octávio Guerra
J.Nunez

quinta-feira, 5 de maio de 2011

José Nunes Pereira

Jose nunes Pereira
Jose  nunes Pereira

@jnunespereira Marília - SP

Poeta J.Nunez escritor e criador do Movimento Imparcialismo e seus artigos imparcialistas
 

terça-feira, 3 de maio de 2011

Poesia esotérica Imparcialista

A palavra proibida


Outras palavras são aquelas não ditas,
São aquelas caladas de propósito,
São aquelas que são cartas na manga,
 São aquelas palavras omitidas,
São aquelas palavras disfarçadas,
 São aquelas palavras que esconde nossas verdades
E as nossas mentiras,
São aquelas palavras que são peças do jogo,
São aquelas palavras que estende o significado
De ser gente, de amar, desejar, sentir e sofrer...

São aquelas palavras apenas pensadas,
São aquelas palavras inconvenientes,
São aquelas palavras deixadas ali onde são manifestadas...
São aquelas palavras que completa o que pensamos e sentimos,
São aquelas palavras que poderiam ferir,
São aquelas palavras que poderiam libertar,
São aquelas palavras que poderiam oprimir,
São palavras que escondem segredos, ocultam outros e relevam tudo...

São aquelas palavras que poderiam dizer a verdade
 Ou revelar as mentiras...Eu tenho essa palavra e não direi...
 A coisa proibida, a palavra proibida,
 Essas outras palavras que não são ditas, é que me interessa.
 Esse ser humano não revelado é que me interessa...

Murílio Santiago

J.Nunez

Divulgue acessando:


http://literaturaimparcialista.blogspot.com/

Artigos Imparcialistas: POEMA PARA O DIA DAS MÃES...

Artigos Imparcialistas: POEMA PARA O DIA DAS MÃES...: "Quem mais poderia te amar assim... Quem mais poderia responder todas aquelas perguntas Muitas vezes inocentes outras vezes Um tanto emba..."

POEMA PARA O DIA DAS MÃES...

Mãe, a mais nobre das razões para se amar


Como deveria ser com todos os filhos e suas mães;
Eu nasci sendo amado por essa mulher especial.
Todas as mães são especiais
Porque representam amor e vida.

Eu nasci de seu ventre
Eu sempre tive o seu colo,
E colo de mãe desconhece idade para filhos.

Eu sempre estive ao seu lado
E estou ligado a ti pelo seu eterno amor mãe,
Posso até perder minhas mais caras amizades,
Posso perder o amor de outra mulher,
Mas o seu amor de mães estará comigo
Ignorando morte, tempo e distancias.

Eu sou por essa mulher que me deu a vida
Eternamente grato, e dela sou eterno devedor
Porque a vida não tem preço...

Eu te amo como todos os filhos amam suas mães,
Eu te amo com a mais nobre e justa das razões
Para se amar uma pessoa,
Porque eu te amo como filho que ama sua mãe.

Francisco Medeiros
J.Nunez

 
Quem mais poderia te amar assim...

Quem mais poderia responder todas aquelas perguntas
Muitas vezes inocentes outras vezes
Um tanto embaraçosas e intrigantes,
Se não aquela que muito antes de você si quer respirar
Sentia você existir dentro de seu ventre mãe.
Quem mais poderia responder a essas perguntas
De criança descobrindo o mundo a sua volta:
Mãe, como foi que eu nasci,
Mãe, como eu era quando era pequena,
Mãe, onde começa o mundo,
Mãe, quem faz a chuva lá no céu,
Mãe, quando o mundo vai acabar,
Mãe, porque a zebra é zebra,
Mãe, porque meu nome tem dois L juntos,
Mãe, papai Noel existe,
Mãe, onde acaba essa rua,
Mãe, onde fica São Paulo,
Mãe, você foi à escola quando era pequena,
Mãe, porque a cegonha trás as crianças,
Mãe, eu chorava muito quando era nenê,
Mãe, quem é o pai do pai do pai...
Mãe, como o arco-íris sai do chão,
Mãe, quem é mais forte o leão ou o elefante...
Mas mãe, o leão não é o rei da floresta,
Mãe, porque você está triste,
Mãe, quem é mãe da mãe da mãe...
Mãe, porque aquela criança não tem pai,
Mãe, porque você é minha mãe,
Mãe, no fim dessa rua acaba o mundo,
Mãe, porque o super-homem usa cueca em cima da calça,
Mãe, porque a gente não vê o vento,
Mãe, porque o céu é azul,
Mãe, porque aquela criança pede comida,
Mãe, onde fica o mar,
Mãe, como eu sai da sua barriga,
Mãe, porque o índio mora na floresta...
Mãe, porque o saco do papai Noel é vermelho,
Muitas das perguntas das crianças são perguntas
Que desistimos ao longo da vida de respondê-las a nós mesmos.
Quem mais poderia responder toda essa perguntação,
Se não aquela que depois que você crescer
E saber todas as respostas, você a esquece,
E vai para o mundo com todas as ilusões que lhe é de direito,
E quando suas ilusões forem desfeita
Você retorna a ela não mais para perguntar,
Mas para sentir o seu amor incondicional,
Quem mais poderia te amar assim...

José Nunes Pereira
J.Nunez

Divulgue acessando:

http://literaturaimparcialista.blogspot.com/

POEMA PARA O DIA DAS MÃES DE MARIDO PARA ESPOSA


Amor correspondido

Essa é a mulher da minha vida,
Essa mulher é a companheira para toda a vida,
Essa é a mulher que amo com toda a força do meu amor,
Essa é a mãe de meus filhos,
Por essa mulher tenho toda a simpatia e toda devoção
Que um homem pode ter por uma mulher...
Não vivemos amor de conto de fadas,
Vivemos o amor com todas as dores e alegrias da vida.
Não sonhamos o impossível
Mas desejamos a felicidade que todo mundo deseja...
Nosso amor não é perfeito, mesmo porque a perfeição
No amor é uma mentira; o que somos é pessoas incompletas
E por isso precisamos de nossa outra metade...
Nosso amor se aquece nos pequenos gestos de carinho e devoção,
Nosso amor se aquece em nossa amizade e admiração mútua,
Nosso amor se aquece com um beijo no meu da noite,
Nosso amor se aquece quando nossos corpos sobre a cama;
Suas mãos e seus pés me tocam nessas madrugadas de outono...
Nosso amor se aquece na essência de sermos homem e mulher...

Saturnino Queirós
J.Nunez

Saturnino Queirós poeta do que é fundamental, poeta das horas extremas, da força e da persistência, poeta do essencial, do extremamente necessário e da luta. Sua linguagem sintetizada expressa a sua concentração no essencial, seu foco no que é primordial.
Ele é o reflexo da nova ordem mundial, de um tempo de escassez de recursos, de um tempo em que há uma luta individual e coletiva por um mundo melhor e uma necessidade de realização é extremamente básicos e essencial para nossas vidas. Esse poeta representa as virtudes essenciais do homem: coragem, fatalismo, força e honra.



DICAS DE TEMAS INTERESSANTES: MORTE DE BIN LADEN, TORRÊS GÊMEAS, ESTADOS UNIDOS PODEM SER TEMAS PARA A ARTE, A POESIA, AS REDAÇÕES E OS TRABALHOS ACADÊMICOS: ESSE É UM TEMA CONTEMPORÂNEO..

UM EXEMPLO NA POESIA IMPARCIALISTA

O VELHO ORGULHO AMERICANO

Torres gêmeas desmoronando em chamas e fumaça
 São imagens de mais um filme americano,
É realidade americana é o medo cotidiano...
Bin Laden capturado não é desfecho da realidade
É mais um trecho de uma historia,
Não sabemos o fim do sonho americano,
Mundo globalizado tudo é problema de todos...

A vingança restaurou o velho orgulho americano, até quando!...

Os Estados Unidos vez justiça ao seu modo,
Ignorando as fronteiras, culturas, direitos e leis...
Estados Unidos: nosso salvador, nosso herói o super homem...
Agora estamos todos à salvo do mal...
Problema americano não é problema do mundo.
O nosso problema é a divisão de renda, a fome...
Nosso problema é a volta da inflação.

Octávio Guerra

J.Nunez

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA