Pesquisar este blog

MOVIMENTO IMPARCIALISTA

MOVIMENTO IMPARCIALISTA
IMPARCIALISMO

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

São Silvestre 2012

Globalização e esporte

Quenianos patrocinados pelos brasileiros
Ganham a São Silvestre;
Isso é competitividade,
Capitalismo
E globalização...

Octávio Guerra
J.Nunez 

domingo, 30 de dezembro de 2012

Mulher livre socialmente e sexualmente e homem objeto.


Escolha

Dançamos,
Exibimos a plumagem,
Ela escolheu um macho,
E foi criar os filhos sozinha.

Abílio Santana
J.Nunez 

Herança na sociedade do consumo e do entretenimento


Heranças Contemporâneas

A herança genética
É a única coisa que seu pai deixou de fato...
Seu nome é sobrenome já nasceu sujo.
O resto é descartável:
A televisão de plasma já perdeu o valor,
O aparelho celular última geração já não vale a metade,
O plano de saúde foi cancelado quando ele deu a última respiração,  
A internet é uma herança virtual
Que deve ser sustentada por você,
A TV com centenas de canais pagos
Também deve ser sustentada por você,
Só lembrando, os canais de sexo e exporte ao vivo,
São à parte,   o resto é reprise,
Temos ainda aqui outras dezenas de eletrônicos descartáveis,
O carro que deve ser pago em meia década e já desvalorizado,
A casa para ser paga em meio século...
Há! Tem também a mensalidade do clube...
Se acaso você quiser sustentar esse luxo.
Essas são as heranças na sociedade
Do entretenimento e do consumismo. 

Salomão Ancantra
J.Nunez

Os Imparcialistas: Três princípios básicos da arte Imparcialista


Três princípios básicos da arte Imparcialista

1.       Observação
2.       Análise imparcial
3.       Leitura do contexto


José Nunes Pereira 

sábado, 29 de dezembro de 2012

Respaldo ao homem contemporâneo.



A Essência Primitiva

Modernista no labirinto moderno,
Ateus a ponto de explicar tudo,
Não espere muito da sociedade,
Porque no fundo!
Ela sempre buscará respaldo
Em Deus e no homem primitivo.

Octávio Guerra
J.Nunez  

Contemporâneos primitivistas


Sociedade Primitiva Contemporânea

A sociedade é um, dois, três
E pronto, está criado, esta feito...
O imparcialismo é três caminhos,
O que sobrar é o caminho da análise,
 Da observação e da imparcialidade.

Um, dois, três,  
Não adianta inventar,  
Essa é à base da vida.

A sociedade é machista
Gosta de macho, macho!

A sociedade é feminista
Gosta de fêmea, fêmea!

O homem biológico é primitivo!
 A sociedade na sua essência,
Sem modernismo,
 É naturalista e primitivista,
Segue a lógica biológica primitiva
Da criação humana,
Onde de duas partes opostas gera uma terceira.  

Octávio Guerra
J.Nunez 

Apreciar a virgindade é hipocrisia


Capitalismo sexual

Apreciar a virgindade é hipocrisia,
Erotismo e conservadorismo retrógrado
Em uma sociedade das liberdades sexuais...
Vender virgindade é uma aberração
Do possibilismo capitalista.

É só mulher que pode vender virgindade?
Gay não pode!
Isso é exclusão, homofobia e preconceito! Viu!

Salomão Alcantra
J.Nunez   

A pobreza na televisão


A pobreza se tornou espetáculo de si mesma.


Exploração da pobreza na televisão

O pobre, o negro e o favelado
Estão nos programas de televisão,
Como espetáculos de si mesmos,
Como reprodução de seu mundo,
Como mercado para si mesmo.

Esse novo momento da televisão
Não é resultado dessa mentira chamada inclusão.
O pobre, o negro e o favelado
Agora estão inseridos em um mundo
De consumo de tecnologia...
A TV aberta se tornou um espaço
Para a exploração do pobre
Como espetáculo para si mesmo...

Quem pode pagar por melhor conteúdo,
Quem pode pagar por cultura,
Quem tem dinheiro para sair para comer fora
E divertir longe da televisão da sala,
É uma minoria, que não dá audiência.
 Foi descoberto um novo mercado:
O da exploração da pobreza na televisão.

Albano Morais
J.Nunez

A nova forma de pobreza brasileira


A minha pobreza

A nova pobreza brasileira
É disfarçada com o acesso à tecnologia,
O cartão de crédito,
A prestação eterna,
E o assistencialismo do governo;
Tudo resulta na minha ilusão de progresso
E em outras ilusões.

Salomão Alcantra
J.Nunez

Roupa Suja agora se lava no Facebook


Roupa Suja agora se lava no Facebook  

Por tudo em pratos limpos,
Roupa suja se lava em casa,
Assim dizia minha avó, metaforicamente.

Na Era da Informação, sem metáforas,
Resolvemos os conflitos e as diferenças,
Sem nem uma elegância,
Sem nem uma compostura,
Sem nem uma fronteira;
Lavamos “roupas sujas” nas redes sociais.

Octávio Guerra
J.Nunez

Poesia analítica Imparcialista


Vivência e fugas

A vida é muito simples:
É feita de vivência,
Ou de fuga de vivencias,
Só a observação e a análise
Podem se estender para toda a dimensão da vida.

Murilo Santiago 
J.Nunez

Poetas e poesias Imparcialistas: Hermínio Vasconcelos e Murilo Santiago


Fugas

Minha companheira de goles e tragos
Olha para o outro lado;
 Percebe que está sendo observada,
Diz com uma gostosa gargalhada:
_ Se não é a policia, é alguém querendo se divertir essa noite!

Eu disse com toda intimidade que só o tempo traz:
_Você é mais frouxa que dentadura velha!
Ela riu escandalosamente.
Depois parafraseou  Murilo Santiago:

A vida é muito simples:
 É feita de vivência,
Ou de fuga de vivencias,
Só a observação e a análise
Podem se estender para toda a dimensão da vida.

E a noite terminou com ela caída
No sofá da sala, em numa noite de fim de ano.

Hermínio Vasconcelos
J.Nunez

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

A ganância explica nosso tempo...


Ganância Consumista

No capitalismo empregamos
O dinheiro, o materialismo, os vícios e o sentimento
Em tudo que não seja humano e um possível competidor.

Assim matamos nosso humanismo e refugiamos na materialidade,
Ou em qualquer outra coisa que não seja humano e competitivo...
Na ganância consumista matamos nossas almas,
E nossa relação holística com o mundo.

Octávio Guerra
J.Nunez

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

O Ponto de Virada e o caminho fora da mecânica da vida


O Ponto de Virada

O capitalismo e o progresso materialista ignora  
“ O Ponto de Virada,”
“A  lei do Pêndulo”  
“O declive”
Estamos chegando ao topo,
Estamos perdendo a força de impulso
Estamos chegando ao  “Ponto de Virada”
Estamos vivenciando as consequências
Do modernismo e suas explorações.

A ganância nos cega:
O caminho está fora da “mecânica da vida”
O caminho está na superação dessas “leis mecânicas”
O caminho está na consciência da vida e da morte.

Octávio Guerra
J.Nunez 

Sexo na sociedade capitalista


Virgem reciclada

O Poço dos Desejos
Está ultrapassado
Somos uma civilização
 Inteira dos desejos
Que se realizam com muito dinheiro
E não com a ideia estúpida de uma moeda.
Quase tudo se realiza
Porque quase tudo está à venda...

Com muito dinheiro
Podemos comprar até o sexo de uma virgem.
As não virgens podem fazer uma reciclagem  
De virgindade e voltar a ser virgem...
Produto retornável.

Salomão Alcantra
J.Nunez

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Movimento Intelectual Artístico e Literário Imparcialismo


Movimento Intelectual Artístico e Literário Imparcialismo

Os Imparcialistas

Os Imparcialistas são artistas, poetas, escritores e intelectuais que estão formando em Marília, e virtualmente o grupo Os Imparcialistas. O propósito dos Imparcialistas é unificar a arte e a literatura brasileira sobre a ideologia do pensamento engajado na leitura do novo tempo histórico.  Em janeiro de 2013 começaremos a trabalhar intensamente no projeto de formar o movimento artístico (fisicamente).

Entre para o Grupo Os Imparcialistas 

José Nunes Pereira 




Copa do Mundo no Brasil


Copa do Mundo e estereótipos

A Copa do Mundo está chegando!
É preciso reforçar o estereótipo
De Brasil puteiro do mundo...
De Brasil casa sem dono,
As propagandas de cerveja
Já estão fazendo sua parte.

 Obrigado!

Salomão Alcantra

Desumanidades, criação de mercado e aberrações capitalistas


Aberrações da Capitalista

Sem Marxismo, mas dizer que o capitalismo
É um sistema que exclui virou uma bobagem clichê,
O capitalismo com seu consumismo,
Sua exploração de tudo e sua criação de mercado,
Se tornou selvagem e bestial...

Porém com uma naturalidade, uma inconciência, uma hipocrisia e um cinismo
Tão grande que as celebridades não ficam nem um pouco desconfortáveis
Em mostrar que seus cachorrinhos possuem casa mobiliada,
Piscina, frequentam restaurantes, motel, casa de massagem festa para cachorro etc.

Não há vergonha, desconfortou ou se quer consciência
De que há pessoas que assistem a essas aberrações
E  moram em “casas” feitas baixo de viadutos,
E que ali há crianças que não tem o que comer essa noite...

 A selvageria e a bestialidade capitalista é tanta
Que perdemos totalmente o senso de consideração e respeito humano...
Ficaríamos felizes se houvesse pelo menos um desconforto
Por parte da criação de mercado ao revelar
Essas desumanidades e aberrações capitalistas.

Octávio Guerra
J.Nunez

O PODER DA VONTADE


Força de Vontade

Uma forma de poder
Sempre esconde um vício.
Um vício esconde
Uma forma de poder...

Um santo esconde
Uma perversidade,
Um perverso esconde
Uma virtude.

Me ensinaram
A ignorar o poder da vontade...
Eu me curei
Com o desejo de ser curado,
E atribui ao santificado...

Não me ensinaram
A orar para dentro,
Para o Deus que vive
Em minha força de vontade.

Murilo Santiago
J.Nunez

Um poema imparcialista



 Aperitivos

Queijo, carne, vinho, um cigarro,
Um poema escrito no papel de boca
E a Dóris oferecida e disponível...
Não! Não é um comércio.
É só um coração inquieto
E meu paladar refinado
Para as coisas da vida,
Para os amores fáceis e os aperitivos.

Hermínio Vasconcelos
J.Nunez 

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Os artistas Imparcialistas


A Zona de conforto contemporâneo

A sociedade contemporânea
Parece uma família que não toca
Em um assunto desconfortável;
Prefere a mentira e a zona de conforto
Que vem da hipocrisia.

Os artistas Imparcialistas
Vieram destruir a zona de conforto
Com a franqueza cruel
E a verdade incontestável.
Estamos cada vez mais insuportáveis,
Seria bom que o capitalismo nos comprasse logo...

Salomão Alcantra

Papai Noel o Cristo do capitalismo



O Cristo Capitalista

Papai  Noel
O Jesus Cristo do capitalismo.
O Salvador do consumismo...

O Papai Noel 
Tomou o lugar do Nazareno na manjedoura
E o coelhinho da páscoa o seu lugar na cruz.

Albano Morais
J.Nunez

Natal e consumismo



Papai Noel está generoso este ano! Para a edição de Natal da Playboy, duas beldades bem juntinhas: Carol Narizinho e Thaís Bianca. As panicats vão mostrar tudo, do jeitinho que vieram ao mundo, num ensaio mais do que muito sensual. Para festejar a assinatura do contrato, as duas até deram selinho – só para ir atiçando o imaginário da homaiada.



Natal

No natal se comemora o que mesmo!
O nascimento do capitalismo,
Ou o nascimento do consumismo,
Mas os dois não são a mesma coisa!
Igual no cristianismo,
Deus é Jesus, e Jesus é Deus,
Ou será que são diferentes.

Albano Morais
J.Nunez

Sociedade narcisista e felicidade capitalista


Felicidade Capitalista

Felicidade narcisista
Felicidade capitalista,
Não quero ser feliz desse modo.

Quero ser feliz sim,
Mas do meu jeito,
Não me venha com esse analista...,
Vai pra lá com esse padronizador de gente,
Quero continuar melancólico e poeta,
Quero continuar feio e simpático...

Salomão Alcantra
J.Nunez

Os Imparcialistas: Os três níveis de Imparcialidade


Os três níveis de Imparcialidade

·         O primeiro nível de Imparcialidade é o distanciamento e a não identificação com o contexto para que seja possível a observação e o relato desse tempo. Chamado de imparcialidade por causa da auto-exclusão que faz possível a observação da contemporaneidade.  O primeiro nível é o mais importante porque representa a unidade entre os artistas Imparcialistas.  

·         O Segundo nível é o distanciamento, a não identificação e a imparcialidade consigo mesmo e com a sociedade.

·         O terceiro nível de Imparcialidade é o distanciamento, a não identificação com contexto e a profundidade espiritual e psicológica.   

José Nunes Pereira 

domingo, 23 de dezembro de 2012

Blog Cidade de Marília: Os Imparcialistas

Blog Cidade de Marília: Os Imparcialistas: O que é proposto é a criação de um grupo Imparcialista em que cada poeta faz a sua poesia a seu modo, porém buscando a leitura de nosso t...

sábado, 22 de dezembro de 2012

Os Imparcialistas


CONVITE AOS POETAS E 

ARTISTAS DE MARÍLIA




CONVITE AOS POETAS E ARTISTAS DE MARÍLIA




Plágios do Imparcialismo: poesia nascida em Marília....


Plágios do Imparcialismo: poesia nascida em Marília....

infelizmente isso está ocorrendo, e não é necessário essa desonestidade, o Movimento Imparcialismo é livre, todos os poetas podem usar a pesquisa, "poesia para o novo contexto" para produzir seus trabalhos literários, e sua arte, dando crédito ao Imparcialismo. Meu sonho é formar um Movimento Literário Brasileiro, formei os poetas Imparcialistas para estruturar e criar um Movimento. Porem o proposito é muito maior, desejo formar um Movimento (não ficcional). 

Poetas de Marília convido-os a formar esse Movimento aqui em nossa cidade

interessados em formar esse movimento entre em contato.

AJUDE A ME DEFENDER ESSE TRABALHO QUE NASCEU AQUI EM MARÍLIA...

Entre em contato:

José Nunes Pereira

imparcialismo@gmail.com
j.nunez@bol.com.br

Blog Cidade de Marília

Fone: (14) 34 153312

Arte, poesia e literatura para o novo tempo...




Imparcialismo:

A arte, poesia  e literatura para uma novo tempo...

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

A saída temporária de natal aos condenados do mensalão!


Prisão fictícia

Joaquim Barbosa concedeu
A saída temporária de natal
Aos condenados do mensalão,
Mas eles ainda não foram presos!
Será que eles retornaram
Para onde ainda não foram!
Ou continuaram na cadeia fictícia...

Salomão Alcantra
J.Nunez


O mundo não acabou; Está acabando lentamente... se vê...




O mundo está acabando...

Não reclame do dia
O mundo não acabou,
Você está no lucro...

Falharam os interpretes do calendário Maia,
Qualquer coisa que acontecer hoje,  é pouco,
Mesmo se Marco Maia,
Presidente da Câmera dos Deputados,
Esconder os condenados...

O Mundo não acabou,  e Joaquim Barbosa
Consolida a teoria de novo contexto
Da poesia Imparcialista...
O mundo não acabou;
Está acabando lentamente... se vê...

Octávio Guerra
J.Nunez  

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Marco Maia Quer dar abrigo no Congresso Nacional Para os condenados do mensalão...


Fim do Mundo

O calendário Maia
Previu o fim do mundo amanhã...

Marco Maia
Quer dar abrigo no Congresso Nacional
Para os condenados do mensalão...
Realmente o mundo acaba amanhã!

Salomão Alcantra
J.Nunez


Em resposta, Barbosa declarou: "A proposição de uma medida dessa natureza, ou seja, acolher condenados pela Justiça no plenário de uma das casas do Congresso, é uma violação das mais graves à Constituição brasileira."

Leia mais em: http://noticias.bol.uol.com.br/brasil/2012/12/20/joaquim-barbosa-acusa-presidente-da-camara-de-desconhecer-constituicao.jhtm

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Leia o que não foi escrito.


Escrita

Leia o que não foi escrito.
De algum modo o ex-presidente Lula
Ficará na história do Brasil;
Essa é uma frase para os que sabem ler
O que não foi dito...

Octávio Guerra
J.Nunez

Poema para o Pré-Sal



Pré- Sal

Pré-Sal
Pré- ganância
Pré- guerra
Pré-cobiça
Pré-corrupção
Pré-recursos
O Pré-Sal
É ovo no cu da galinha.

Albano Morais
J.Nunez

Sexo na sociedade contemporânea


Enchimentos e tônico sexual

Esperei um tempão...
Ela vestiu o enchimento de quadril,
O enchimento de traseiro,
O enchimento de bustos,
A cinta modeladora...

Eu coloquei a cueca
Com enchimento frontal,
Bebi o tônico sexual
Chegamos ao quarto do motel,
Bebemos um Drink com Tequila
Tiramos tudo,
Brochamos diante tanto enchimentos...

Abílio Santana
J.Nunez


Padre se torna pastor


O ex-padre

O padre da minha paróquia
Deixou de ser católico
Para ser pastor evangélico,
Isso é igual trocar a mãe
Pela filha adolescente.

Como literalmente ocorreu
Ele casou com a filha protestante
De uma senhora, que dizem os intrigantes,
 Fora amante do ex-padre.

A moça converteu o religioso
Com o pecado original,
Com uma cruzada de perna
Ao estilo Sharon Stone
Que nem eu e nem o padre não resistiu.

Salomão Alcantra
J.Nunez

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Fala sério! Vendo os trabalhos e os resultados Da Comissão Parlamentar de Inquérito


Esta na hora de dizer chega!

Fala sério!
Vendo os trabalhos e os resultados
Da Comissão Parlamentar de Inquérito,
Os políticos aumentando seus próprios salários em 100%
E todos os inumeráveis absurdos
Que ouvimos depois de a mídia editar
Para ficar menos revoltante e mais digerível;
É patético se alguém ainda leva a sério,
Ou vê boa intenção na política desse esse país...
Esta na hora de dizer chega!

Octávio Guerra explanava suas ideas
Quando um grito interrompeu.
 A mulher no andar de cima,
Gritou: _ Chega seu vagabundo filho de uma puta!
Um sujeito rolou escada abaixo
Pedindo socorro!

Dóris chegou interrompendo
De vez o filosofar de Octávio Guerra,
A moça sempre traz uma novidade do cabelo,
E uma tentativa de ser poética,
Mas o que salva a noite é sempre o seu corpo,
Quando não se oferece se entrega sem reservas
Ou medo disso que até chamam de amor.
Essa moça que nada tem a dizer se tornou o meu vício
Está na hora de eu também dizer: _Chega!
Concluo o pensamento do meu amigo Octávio Guerra:
Esse país é igual à Dóris; ninguém leva a sério.

Hermínio Vasconcelos
J.Nunez  

Homem objeto sexual


Puto

Eu objeto de desejo e consumo
Não estou à disposição
Para ser usado essa noite
Por essas libertinas,
Depois de suas bebedeiras feministas...

Meus versos estão em primeira pessoa,
Mas essa não é minha fala,
Eu sou Abílio Santana,
Não tenho esses pudores de garoto de programa,
Eu sou um puto, sem essas grandezas de estima,
Preservação, dignidade e integridade,
Sou mais fácil que puta velha e feia.

Abílio Santana
J.Nunez

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Sociedade sexo fácil e explícito



Sexo pago do cartão

Sexo no cartão
De crédito ou débito,
Até em três vezes sem juros,
Homem com ejaculação
 Precoce paga meia.
 Não aceitamos cheque.

Abílio Santana
J.Nunez

domingo, 16 de dezembro de 2012

Ataques em escolas e outros espaços públicos


Ataques

Ataques em escolas
E outros espaços públicos:
O problema não é necessariamente as armas a disposição,
Mas a competitividade selvagem da sociedade capitalista e das metas...

Octávio Guerra
J.Nunez


sábado, 15 de dezembro de 2012

Estudo para a nova arte e literatura


5/12/2012

A ARTE CONTEMPORÂNEA


Arte Contemporânea

Quando falamos contra a arte contemporânea
Somos vistos como ignorantes,
Quando falamos a favor da arte contemporânea  
Corremos o risco de ser desmoralizados e ridicularizados
 Pela credibilidade que damos a falta de função  e falta de sentido
Que se perdeu no labirinto das abstrações e subjetividades
Desconectadas do realismo físico e da verossimilhança abstrata e subjetiva.

Octávio Guerra
J.Nunez

Geração sexo fácil: ficar, pegar e catar


Tô pegando

“Ficar” já foi,
Evoluímos  para “catar” e “pegar”
 Um objeto, uma coisa!
_Não, uma garota ou um garoto.
É assim que fala a geração
Sexo sem compromisso...
_“Tô pegando”...Tô catando
_ “Peguei uma doença da garota que catei”

Salomão Alcantra
J.Nunez

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Poesia para um novo contexto



Rua: 2 de junho nº 1975

Natal chegando,  ela me dispensou essa noite,
Disse “ _Não preciso mais disso...2013 será meu ano”
Ela foi para a capital
Será mamães Noel de fio dental
Na propaganda de produtos para higiene bucal,
No réveillon servirá o turismo sexual ,
Será musa quando chegar o carnaval,
Na páscoa será coelhinha da Playboy,
Depois da páscoa talvez role um filme erótico,
Uma participação na novela,
Talvez se “apaixone” por diretor cinematográfico,
Ganhe um programa na teve,
É convidada para um Reality Show,
Coloque silicone em tudo,
E se torne uma boneca inflável,
Por fim esquecerá que foi garota de programa
Na Rua: 2 de junho nº 1975.
Talvez,  ingrata e descartável,  retorne a essa rua
Onde eu e meu amigo poeta  Abdias de Carvalho,
Nos decompomos em pecados, crimes e vícios.

Abílio  Santana
J.Nunez

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Marcos Valério não quer ser o Cristo do ex-presidente: Patrimônio Nacional;


Cronopoema do dia

 Quem vai ser crucificado

Marcos Valério não quer ser o Cristo do ex-presidente:
Patrimônio Nacional;
Agora com as acusações está ainda mais a cara do Brasil
De mentalidade colonial, terra para exploração...

Joaquim Barbosa não poupa ninguém;
Lula deveria convocar todos os que recebem bolsa família,
Bolsa preso e outras assistencialismo para defendê-lo,
O presidente do partido já convocou seus militantes
Para defender o ex-presidente.

Eu também não assumo mais nada,
Não me comprometo com nada, não sei de nada,
Entrei no espírito de nosso tempo...

Salomão Alcantra
J.Nunez

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Os direitos obrigados.


Bobagem democrática

A bobagem democrática,
O cúmulo da democracia,
A ditadura democrática
É quando nos dão
O que não queremos...

É obrigar e incentivar
Que o aluno estude
Até ensino médio
Depois mandá-lo
Para cortar cana,
Catar lixo...

 Salomão Alcantra
j.Nunez

Patrimônio nacional

Cuidado Marcos Valério,
Não jogue merda no ventilador!
Vai sujar o" patrimônio nacional."

Salomão Alcantra
J.Nunez 

O Imparcialismo é impossível


O radicalismo do termo Imparcialismo

Nossos filósofos e poetas
São técnicos de futebol, homens de sucesso e capitalistas;
Eles fazem apologias à produção e ao sucesso.
Nossos ídolos e nossos deuses são indivíduos
Que representam o que é o sucesso contemporâneo,
São os ídolos e os deuses tecnológicos e motorizados.
Nossos filósofos nunca dirão que a vida
Como está sendo vivida... Não vale apena...

Os poetas imparcialistas, o Eremita do Monte Verbo
E o Velho do Restelo Contemporâneo,
Afrontam a sociedade com o imparcialismo,
Que os radicalistas das palavras dizem ser impossível...

A democracia, o cristianismo  
E o Estado Laico “ao pé da letra” também são impossíveis,
Todos os termos que envolvem dois lados,  “ao pé da letra,”
Com o radicalismo do termo, são impossíveis...

O Imparcialismo poderia ser sido chamado de possibilismo,
Porém o termo Imparcialismo é uma afronta
Que obriga o individuo a pensá-lo com impossível,
E de fato “ao pé da letra” é impossível,
Mas o imparcialismo é humano, como todo termo radical.

Salomão Alcantra
J.Nunez 

IMPARCIALISMO




O imparcialismo não é o fim do processo,
é o tempo em que colocamos as coisas na balança;
E depois optamos por uma verdade universal.

José Nunes Pereira 

Postagem em destaque

Fique por perto!

Volte logo, Não demore muito, Fique por perto! Eu te esperarei dentro e fora do tempo. Sua alma é nobre, Fique no sangue do meu sangu...

O Novo Contexto Para a Literatura Contemporânea

MOVIMENTO IMPARCIALISTA